Sábado, 23 de Agosto de 2008

De quem partiu....

Hoje,

Ao sol ou dentro de um quarto,

o espelho é o mesmo,

igual ao ontem e amanha...

Hoje nú, ilusão,

vestido, capa real, afinal os sentidos enganam,

afinal não esta sol,

chove,

afinal não é um quarto,

e eu estou nú, na rua,

afinal sou o imoral,

o mendigo palhaço...

Hoje,

igual ao ontem de amanha

procuro (mas eu nao procuro)

em cima, o que esta em baixo,

á direita o que caminha na esquerda...

afinal

os sentidos enganam...

ontem, no jardim,

havia papoilas, margaridas,

rosas e tulipas,

e no ontem do amanha, passaram

(e quem passou?) e plantaram

espinhos, cactos e pó...

afinal,

ja não são espinhos, são carne,

rasgada,

ja não são cactos, são deseros

de mil teorias e duvidas...

e do pó, apenas o cadaver

do erro, sempre o mesmo erro...

do ontem e do amanha...

afinal os sentidos enganam!

 

1995 Tomar - Raul Bernado

publicado por simaofrancisco às 15:24
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. De quem partiu....

. Arquivo fotografico

. o silencio perdido

. o silencio

. o deserto das cidades

. Simplesmente para alguem

. simplesmente para alguem

. Simplesmente para alguem

. Encontro Nacional ACR- Vi...

. O que é a música?

.arquivos

. Agosto 2008

. Outubro 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.Contacto

simaofrancisco@sapo.pt

.As minhas Fotos

http://fotos.sapo.pt/simaofrancisco
blogs SAPO